A vida humana tem um limite? 

O 500 Toques faz muito uso de cookies no navegador

Por favor, ative os cookies nas preferências do seu navegador antes de entrar.

11/07/2018
Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

A vida humana tem um limite?

A resposta certa depende de uma especificação do “limite': o atual ou o futuro? Hoje, o limite conhecido nem chega aos 130 anos. Quanto ao futuro, teórica e tecnicamente não há como limitar a duração da nossa existência. Podem ser 150, 200, 300, ou muitos mais, dependendo do domínio possível de duas técnicas: da Criônica (a criogênica aplicada m seres humanos) e da expertise humana no domínio na utilização das células tronco, visando renovar o descongelado. O interessante é que humildes rãs e sapos das regiões árticas podem ficar praticamente mortos mas com a chegada da primavera elas se descongelam e passam a comer e a se casalar. Isso ocorre porque a engenhosa natureza “providenciou', uma substância, semelhante ao açúcar, que, nessas rãs, a água presente em todas as suas células não se transforma em gelo, com as temidas arestas que perfuram a membra celular. Furos esses que, quando do descongelamento, permitem a saída da água, matando as células, que precisam desse líquido. Já o ser humano não dispõe desse mecanismo natural de defesa. O que não impede que substância semelhante possa vir a ser inventada por químicos. Já escrevi várias vezes sobre essa suposta “loucura', que não tem nada de louca. Se o leitor quiser se informar sobre outros aspectos relacionados com a morte — religião, política, filosofia, etc., basta ler na íntegra, meu artigo “Qual o limite futuro da vida humana'.

Leia na íntegra

views 59

comentários 0

0

Deseja comentar essa notícia?

Últimos comentários



Negócios

Anunciar

Central de ajuda

Contato

X

Recuperar senha!