Aprovemos, já, a Reforma de Guedes e façamos eventuais correções após 4 anos. 

O 500 Toques faz muito uso de cookies no navegador

Por favor, ative os cookies nas preferências do seu navegador antes de entrar.

Fonte (Imagem): Aprovemos, já, a Reforma de Guedes e façamos eventuais correções após 4 anos.
13/05/2019
Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

Aprovemos, já, a Reforma de Guedes e façamos eventuais correções após 4 anos.

A Reforma da Previdência deveria ser aprovada mais ou menos como foi proposta por Guedes. “Ela saiu'! — Dirão os investidores, mais animados. Seu maior mérito estará simplesmente em ser “uma Reforma finalmente aprovada'. Ponto final. É isso que os investidores externos e internos querem ouvir. O conteúdo, em si, tolera-se que seja discutível, não podendo agradar a todos. É o máximo possível neste momento. O essencial é que o problema máximo tenha sido enfrentado. “O que não pode é a coisa continuar como está'.  (ler mais)

Leia na íntegra

views 846

comentários 0

3

Deseja comentar essa notícia?

Últimos comentários



Negócios

Anunciar

Central de ajuda

Contato

X

Recuperar senha!