Bolsonaro está certo sobre como reagir ao coronavírus 

O 500 Toques faz muito uso de cookies no navegador

Por favor, ative os cookies nas preferências do seu navegador antes de entrar.

03/04/2020
Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

Bolsonaro está certo sobre como reagir ao coronavírus

Considerando que a epidemia não é apenas um problema médico-sanitário, mas também econômico-político, arrasador da economia, a melhor solução será a abrangente, global — de Bossolnaro — resguardando, na medida do possível, os idosos, mas tirando proveito do “ponto fraco' de um vírus que pouco afeta os jovens — ou não tão jovens —  prestando-lhes duplo benefício: a preciosa imunidade que lhes permitirá trabalhar, doravante, com desenvoltura, mantendo a economia em quase normal funcionamento e até, talvez, os imunizando  contra eventuais vírus futuros que tenham “algum parentesco' com o coronavírus-19.  

O presente artigo representa apenas meu particular ponto de vista quanto ao isolamento — total ou parcial — da população brasileira. Como não sou autoridade da saúde, nem cientista de profissão, aconselho o leitor a decidir — isolando-se ou trabalhando normalmente — segundo o próprio critério. Ou, na dúvida, agindo conforme a orientação do Ministro da Saúde, um médico competente, sensato e bem-intencionado. 

Ocorre que, mesmo com sua inegável competência, o Ministro pode, em tese, estar, enganado — nem a medicina nem a economia são ciências exatas. 

Leia na íntegra

views 110

comentários 0

0

Deseja comentar essa notícia?

Últimos comentários



Negócios

Anunciar

Central de ajuda

Contato

X

Recuperar senha!