Humor forçado (Boechat) e contraproducente na TV 

O 500 Toques faz muito uso de cookies no navegador

Por favor, ative os cookies nas preferências do seu navegador antes de entrar.

06/11/2017
Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

Humor forçado (Boechat) e contraproducente na TV

Há anos tenho preferido assistir à televisão Bandeirante ao meio dia e às 7,00 da noite. Tanto o canal 22 (NET) quanto o BandNews (79). Ultimamente, mais a BandNews, por causa da agradável, equilibrada e não pretensiosa apresentação de Eduardo Barão. Recentemente, porém, o chefe da programação da BandNews, Ricardo Boechat, só decepciona os telespectadores quando aparece, dando gargalhadas homéricas — claramente forçadas — dialogando, à distância, com o humorista José Simão. Não discuto o talento de José Simão, mesmo porque as risadas exageradas de Boechat —, “encharcadas de saliva', como diria Nelson Rodrigues — provocam a imediata reação de mudança de canal, impedindo a avaliação do talento do humorista. Poucas semanas atrás a moça que, vista de perfil, também aparece na tela, estava sempre séria, nunca ou raramente dando um sorriso. Agora, ela ri desbragada e automaticamente acompanhando as risadas de seu chefe, dando a impressão que que foi orientada para isso. Se Boechat solicitar uma pesquisa — isenta — sobre a reação do público sobre a autenticidade de suas gargalhadas, verá que tenho razão. Não sou só eu que sente assim. Boechat é homem inteligente e ousado. Admira que não perceba que com sua óbvia insinceridade “gargalhante' mina um pouco sua credibilidade nos comentários que faz, em outros veículos, sobre todos os assuntos. E também prejudica José Simão. Perdão pela franqueza.

views 127

comentários 0

1

Deseja comentar essa notícia?

Últimos comentários



Negócios

Anunciar

Central de ajuda

Contato

X

Recuperar senha!