“Pensamento mágico' coisa nenhuma, caro Estadão. (Comentário a seu editorial de 23/07/2018) 

O 500 Toques faz muito uso de cookies no navegador

Por favor, ative os cookies nas preferências do seu navegador antes de entrar.

24/07/2018
Francisco Cesar Pinheiro Rodrigues

“Pensamento mágico' coisa nenhuma, caro Estadão. (Comentário a seu editorial de 23/07/2018)

Leiam o artigo inteiro no meu blog. Aqui apenas trechos: (...) A ministra Cármen Lúcia, do S.T.F. agiu com muito discernimento e coragem — mais uma vez engrandecendo sua biografia — quando concedeu liminar suspendendo a absurda resolução da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) que regulamenta a cobrança de franquia e coparticipação em planos de saúde. (...) Os preços da mensalidade dos planos de saúde particulares têm subido com reajustes bem superiores à inflação. E, não contente com isso, a ANS — agindo aberrantemente contra sua razão de ser —, permitiu que as operadoras cobrem dos usuários até 40% do valor de atendimentos, isto é, das consultas e exames. Quer dizer, além dos usuários desembolsarem altas quantias mensais — quase insuportáveis para os idosos, mesmo quando não usarem os serviços médicos durante bom período — quando os usarem, terão que pagar 40% das consultas e dos exames laboratoriais e outros. Isso é carta branca para lucrar o máximo possível com o temor dos idosos, principalmente, de terminarem seus dias em uma UTI. Esse o medo maior dos velhos — precisar dessas três letras — considerando que cada dia nela custa cerca de R$10.000,00, um óbvio mas lucrativo exagero.

Leia na íntegra

views 77

comentários 0

0

Deseja comentar essa notícia?

Últimos comentários



Negócios

Anunciar

Central de ajuda

Contato

X

Recuperar senha!